segunda-feira, 18 de novembro de 2013

Raillander uma lição de vida!





SILMARA, parabéns!

Seu amor é o grande fator de resgate à destruição psicoemocional desse animal jovem e rejeitado.

Essa "bicheira" é uma ferida que se abre na na pele dos cães e gatos, muitas vezes confundidadas com agressões humanas aos animais. Na maioria dos casos, não são.

O tratamento é rápido e eficiente e a ferida fecha em poucos dias, mas poucos veterinários a identificam e sabem medicá-la corretamente.

Ela é resultante de um ácaro de ouvido que quando em excesso, excursiona pelo corpinho dos animais de modo subcutâneo, e deposita ovos em ninhos debaixo dela. Ao eclodirem, essas larvas alimentam-se diretamente da carne do animal causando-lhe uma coceira insuportável. Para livrarem-se dela, arrancam a pele com os pelos, liberando as larvas para o exterior de seu corpo. A isso também podemos dar o nome de "bicho geográfico". Se voce percorrer a pele do animal rente à raiz do pelo com as pontas dos dedos, vai encontrar vários montículos desses ninhos ainda sem eclodir. Vão virar feridas a seguir, assim que eclodirem as larvas.

O tratamento inclui o duto e o pavilhão auditivo do animal, com duas espreiadas de FRONTLINE em cada orelha, que mata instantaneamente os ácaros, e por ser oleoso, com a ajuda de gase e cotonetes, remove todo o cerume e a sujeira negra produzida pelos invasores.

Quanto às feridas, lavar abundantemente com água oxigenada 10volumes, removendo a carne morta e os pelos soltos em volta com gaze, aplicando a pomada NEODEXA F CREME da Coveli, uso veterinário, que cicatriza, mantém desinfetada a lesão e neutraliza a coceira.

Internamente é necessário proceder à vermifugação do animal com apenas 1/2 comprimido de MEBENDAZOL 100mg, genérico humano, que matará em duas horas os vermes subcutâneos do animal, livrando-o das coceiras e dos vermes intestinais também.

Voce repetirá todo o procedimento 15 dias depois.

Depois de ver o sucesso do tratamento em apenas horas e a cicatrização em dias, com o crescimento do pelo, voce verá que inúmeros animais padecem dessa infestação endêmica, dentro ou fora de casa.  Animais protegidos ou animais abandonados. É bem provável que sejam ácaros de pombos, espalhados no ar com seu bater de asas, tão disseminados entre nós.

Aproveite para tomar voce também, um comprimido apenas, de Mebendazol, porque depois de tratar nossos animais, contaminamo-nos invariavelmente com a verminose deles.

E se voce for parar no hospital com náuseas, vômitos, diarréia, gases, dor no ventre avolumado, ou mesmo fezes negras com sangue coagulado, vão lhe dar um monte de remédios menos vermífugo.

OK?
Parabéns a voce.
Um forte abraço.

Cynthia Esquivel