quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Poder Público além de não assumir responsabilidades persegue Ativistas da Causa Animal

LEIAM ISSO!................
TEM ACONTECIDO EM TODO O BRASIL, E CADÊ AS AUTORIDADES, A IMPRENSA MERCENÁRIA, O MINISTÉRIO PÚBLICO??

".....Protetora Nadja Regina Dias da Costa. Há doze anos dedica-se a salvar a vida de animais e, por eles, enfrenta problemas judiciais e administrativos, no município onde reside." Regina Becker
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
O vice-prefeito de Nova Santa Rita, Antônio Cesar Bairros dos Santos, além da visita de cortesia ao gabinete, se dispõe a equacionar uma questão que hoje representa a todos nós, da rede de proteção animal, uma grande preocupação: a situação vivenciada pela protetora Nadja Regina Dias da Costa. Há doze anos dedica-se a salvar a vida de animais e, por eles, enfrenta problemas judiciais e administrativos, no município onde reside.

Os animais que Nadja tutela foram resgatados em Canoas e Nova Santa Rita. Foram vítimas do abandono, de doenças e maus-tratos. Tiveram suas saúdes reestabelecidas e esterilizações providenciadas por ela, sem qualquer auxilio do poder público. É por meio de rifas e do Brechó Pró-Cão que ela cobre as despesas mensais, como a aquisição de cerca de 500 quilos de ração, e, atendimentos veterinários, entre outros.

O futuro de Nadja e de seus quase 50 protegidos é do nosso máximo interesse. O vice-prefeito Antônio está disposto a participar, junto comigo, de reunião com a promotoria de Meio Ambiente do Ministério Público, de Canoas, onde tramita a ação. Além do meu apoio moral, é hora de depreendermos esforços para esclarecer aos órgãos jurisdicionais que a situação da protetora Nadja é fruto da inércia histórica do poder público pela falta de políticas que atendam os animais em situação de vulnerabilidade, e não uma opção pessoal dela, simplesmente, como alguns entendem ser.

Por eles. Por todos nós.